Walkyria Santos e Kátia Cilene fazem show na Allure

Nesta sexta-feira 14/09 tem FORRÓ DE VERDADE. Você terá um encontro com duas das maiores vozes que o forró já nos presenteou. Vamos reviver grandes sucessos do verdadeiro forró raiz com Walkyria Santos, ex- Banda Magnificos e Kátia Cilene, ex – Mastruz com Leite, ao vivo na Allure! Êeee saudade.

Walkyria Santos

Nascida e criada em Monteiro (PB), Walkyria é filha de Marinalva Santos e Nelson das Chagas. Desde muito cedo gostava de cantar em casa, no chuveiro e em frente ao espelho, fazendo de microfone escovas de cabelo. O que não imaginava é que em um futuro bem próximo se tornaria uma cantora profissional. Em 1994, aos 16 anos de idade, foi convidada a cantar na Banda Percurso Musical, de Monteiro, onde permaneceu por um ano. Em 1995, aos 17 anos, foi convidada por Jotinha para gravar o primeiro vinil da Banda Magníficos, intitulado “Amor Pra Sempre”. Então começava sua trajetória de sucesso. Em 1996, gravou o segundo CD intitulado “Meu Tesão é Você” e em 1997, veio o terceiro CD intitulado “Me Usa”, este consagrando para sempre a Banda Magníficos e Walkyria Santos no mercado musical, como a voz “magnifica” do forró! Foram seis anos na Magníficos e 7 CDS gravados em que emplacou grandes sucessos. Em 2000, Walkyria decide caminhar com suas próprias pernas e trilhar seu caminho. Foram cinco anos de carreira solo e quatro CDS, onde emplacou sucessos como “Do Mesmo Jeito”, “Abre-te Césamo”, “A Loba”, “Prisioneira” e outros. Em 2006, recebeu o convite do Jotinha para retornar a Magníficos e volta com todo o gás continuando sua carreira já consagrada junto a seus companheiros de estrada, fazendo o que mais ama: CANTAR. Walkyria está atualmente a frente dos vocais da banda Solteirões do Forró, junto a vocalista Zé Cantor.

Kátia Cilene

Kátia Cilene Uchoa Gomes nasceu em Fortaleza, capital do Ceará, no dia 23/10/75. É uma cantora de forró e empresária brasileira. Tida como uma das RAINHAS DO FORRÓ!

É filha de José Nilson e da D. Maria de Fátima, tem como irmãos a Katiana, Celso, Marlielson e a Flávia que é apenas por parte de pai.Kátia sempre foi muito sapeca, desde pequena já organizava desfiles, adorava cantar e dançar com suas próprias coreografias. Ainda criança Kátia já demonstrava o sonho de cantar, várias vezes foi chamada á atenção na escola, quando na ausência da professora subia em seu birô e cantava para os colegas.

Por Ter começado sua carreira cedo, Kátia teve que interromper seus estudos na 8ª Série, viajando muito não conseguiu conciliar as coisas.

A jovem sofria o preconceito por ser nova, mas, não conseguiu conciliar as coisas.

Conquistou seus pais que passaram a apoiar, então, ela começou apresentar-se em programas de televisão, Shows de calouros. Com 13 anos começou a cantar em uma pequena banda de forró chamada ‘NIGHT BANDA’, onde fez muitas amizades. Aos 15 anos, participou do concurso “Melhor Cantor de Forró do Terral” o vencedor ganharia uma certa quantia em dinheiro e contrato de um ano com a banda que se formava na época de 1990, MASTRUZ COM LEITE.

Kátia era a mais nova e não deu moleza, venceu todas as eliminatórias e a grande final, onde um dos jurados era Emanuel Gurgel, o proprietário da banda. Em outubro de 90, começou a se revelar para o Brasil, conquistou muita gente com sua voz, rebolado e seu sorriso de menina. Kátia faz questão de caminhar junto com os parceiros de carreira. A cantora que fez história no forró cearense conta que cresceu no ramo ajudando a banda Mastruz com Leite e o ex-marido a crescerem no mercado de forró.

No quadro “Na Roleta”, Kátia conta que a relação com o ex-marido é tão boa que ele foi seu sócio no Forró do Bom. Em relação ao Matruz com Leite, ela acredita que a banda deu início a algo diferente no Ceará, e a Kátia também deu algo diferente ao Mastruz porque era uma menina com 15 anos.

Mas nem tudo foi fácil para Kátia. Ela começou a cantar ainda novinha, aos 13 anos, como caloura do Show do Praciano na praça José de Alencar. A garota Fez tanto sucesso que continuou participando do evento como convidada. Kátia Cilene falou, ainda, sobre a relação com outras bandas de forró, família e a felicidade de ter conseguido terminar o ensino médio após iniciar carreira no forró.

Célia Lima

Estudante de jornalismo e colunista de O 4º PODER, abordando assuntos sobre moda, comportamento, celebridades, política, decoração, eventos e outras coisitas....

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *